25 de junho de 2018

almofada nó escandinavo

Tem um tempo que não falamos de decoração aqui no blog, né? Essa coisa do handmade, das coisas feitas a mão seguem forte na decoração. E com ela, a almofada nó escandinavo pegou carona e pelo menos no Pinterest está com tudo.
Já falei algumas vezes que as almofadas conseguem mudar completamente a decoração de um ambiente. Seja no quarto ou na sala, um belo conjunto de almofadas dá um up na decor de forma rápida e baratinha. Se você conseguir misturar formatos e estampas, o resultado é ainda mais interessante.

almofada nó escandinavo

Com essa onda das almofadas na decoração, a almofada nó escandinavo veio junto. Ela nada mais é que uma almofada de nó mesmo, bem parecida com um nó de maxi crochê, por exemplo. Existem vários formatos de nó, desde o bolinha até outros maiores que se parecem nuvens. Elas são bem legais para compor um mix de almofadas diferentonas e faz uma super diferença na decoração, seja da cama ou do sofá.

Ela é bem artesanal e por isso, o preço costuma ser bem salgado. Pesquisei em algumas lojas online e encontrei preços que variam entre R$50 e R$80, dependendo do tamanho da almofada.

almofada nó escandinavo

Como fazer almofada nó escandinavo?

Se você é das minhas e curte colocar a mão na massa, não é nenhum bicho de sete cabeças fazer a almofada nó escandinavo em casa. Existem duas formas de fazê-la:

Meia calça
Você pode pegar uma legging ou meia calça antiga, cortar as pernas deixando um “tubo” de tecido. E aí é só preencher com espuma de almofada mesmo, que você encontra em armarinhos e lojas de tecido. Depois, para fechar, você pode costurar ou usar cola para tecido.

Tecido
Para fazer com tecido mesmo, o ideal é usar malha. Ele é mais fácil e mais maleável para trabalhar o nó. Basta cortar um retângulo bem comprido e fechar as laterais, formando um tubo também. Como se fosse a manga longa de uma camisa ou uma perna de calça. E depois é só rechear o tubo com enchimento e fechar. Você também pode fechar costurando ou com cola para tecido. E é claro, para finalizar, só fazer o nó como preferir!

compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Geladeira sem tédio!
  • Tour pelo home office!
  • Flâmulas na decoração
  • Deixe seu comentário

    8 de setembro de 2017

    Meu namorado fica doido, porque tudo de decoração que eu vejo, falo que quero também. E olha que para colocar tudo que eu falo que quero, acho que só tendo um castelo! De uns tempos para cá, tenho gostado cada vez mais do que é chamado de canto alemão, que nada mais é que uma quina da casa onde você consegue colocar um sofá, mesa e poltronas. E o melhor, super é possível fazer em espaços pequenos! O canto alemão não é completamente desconhecido da maioria das pessoas não, ele sempre foi muito usado em restaurantes, cafés e estabelecimentos comerciais, só que agora tem sido cada vez mais usado em casas também!

    Ele é ótimo para espaços pequenos ou ainda para quem quer aproveitar o máximo de espaço possível, como ele tem um formato de L, aproveita todo espaço disponível no ambiente. O sofá do canto alemão pode ser fixado na parede ou só encostado para que possa ser removido ou trocado de lugar. Pode ser feito na sala, sala da jantar ou até mesmo na cozinha e o uso de outras cadeiras ou bancos é opcional, pode variar de acordo com a necessidade e desejo de cada um.

    Comparando com uma mesa de jantar tradicional para 4 pessoas, um canto alemão do mesmo tamanho consegue fazer caber de 5 a 6 pessoas. O tamanho do sofá, a necessidade de outras cadeiras ou até mesmo formato da mesa, podem variar de acordo com a necessidade, desejo ou estilo da pessoa. O importante é ter em mente que a ideia é otimizar o espaço, então não adianta fazer um canto alemão e colocar cadeiras bem grandes!
    Já existem empresas especializadas em fazer sob medida e instalar o canto alemão, mas não é lá um serviço dos mais baratos. Se além de espaço, você também quer economizar dinheiro, é possível comprar os móveis separadamente e você mesmo montar o seu canto alemão. Só não esquece de medir tudo direito antes de comprar os móveis, heim!

    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Lightbox!
  • Tour pelo home office!
  • Decoração em tricô!
  • Deixe seu comentário

    25 de agosto de 2017

    De uns tempos para cá, a decoração foi sendo feita de maneiras que nunca imaginamos fazer. Por exemplo, usando pegboards ou grades de expositor para deixar o ambiente mais descontraído, diferente e ainda ajudar na organização de alguns objetos ou estudos.
    E aí que agora a nova moda na decoração é usar seus próprios acessórios, colares, pulseiras, enfim, bijus em geral para decorar os ambientes, seja ele seu closet, quarto ou até mesmo sala e ainda deixa-las organizadinhas para não danificar!

    Nessa tendência literalmente tudo pode te ajudar a organizar as bijus e decorar ao mesmo tempo. Sabe aquela saboneteira que muita gente compra só para deixar no banheiro e colocar a aliança na hora do banho? Então, ela pode ser usada no banheiro, no quarto ou até mesmo na sala. Outros objetos fofinhos como pratinhos, xícaras, potinhos, pratos para bolo também podem ser facilmente usados e adaptados para isso, se a sua ideia é não gastar dinheiro e reaproveitar o que já tem em casa. Mas já existem objetos desenvolvidos com esse propósito, como bichinhos, coelhos, alces, unicórnios, onde os chifres e orelhas são usados para pendurar anéis e ao mesmo tempo deixar o ambiente mais fofinho.

    Para quem gosta de uma coisa mais ousada, troncos de madeira, ferros ou argolas podem ser pendurados na parede e usados também como expositor dos acessórios. Além de deixar tudo mais fofo, ainda facilita na hora de encontrar os objetos. E claro, ajuda a não deixa-los se perder dos pares ou colares a ficarem embolados e com nós.

    Confesso que uma pessoa extremamente alérgica que sou, sempre vejo essas coisas e fico pensando no tanto de pó que podem juntar nos acessórios e o trabalhão que daria de limpa-los semanalmente ou até com mais frequência que isso.  Quem é assim como eu, toc da limpeza, mas também quer aderir a decoração com acessórios, vale a pena investir em caixas, vidros, latinhas que tenham alguma transparência! Assim, os acessórios continuam presentes na decoração, organizados e protegidos da poeira.

    Eu já uso meus acessórios na decoração há um tempinho, utilizo um expositor que a minha mãe fez de tecido e realmente facilita muito a deixa-los organizados e também me ajuda na hora de me arrumar, porque consigo ver todos eles lado a lado e escolher sem demorar muito! E você, usaria os seus acessórios como decoração??

    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Onde comprar quadrinhos legais?!
  • Dicas para a árvore de Natal perfeita!
  • DIY: Quadro luminoso
  • Deixe seu comentário

    2 de junho de 2017

    Sabe quando rola aquela enjoada da decoração de casa, mas não tem dinheiro para sair mudando tudo?! Pois saiba que uma latinha de tinta colorida no seu teto, pode dar um up na decoração de qualquer ambiente da casa! E ainda por cima de um jeito rápido e bem mais barato do que mudar toda decoração.
    Não sei se é coisa só do pessoal aqui de casa, mas independente da cor das paredes, o teto era sempre branco. Por exemplo, meu quarto é lilás, mas o teto é branco. Nunca tinha visto um teto colorido, até o Pinterest me apresentar!

    Pois é! Essa é mais uma tendência de decoração que começou a surgir nos painés lá no Pinterest e de pouco em pouco vem aparecendo em revistas de decoração e também na casa das pessoas! E uma ótima opção para mudar completamente um ambiente da casa, sem precisar gastar dinheiro com tinta para todas as paredes, já que dependendo do tamanho do teto, uma latinha já é o suficiente e com um pouquinho de habilidade, dá até para fazer sozinha!

    O mais legal é que funciona perfeitamente em todos os ambientes, desde os já tradicionais sala, quarto e escritório, quanto em ambientes que o teto é quase sempre esquecido, como cozinha e banheiro!

    Uma dica para quem decidir colorir o teto dos ambientes da casa, independente de qual seja, é que se for muito pequeno, uma cor muito chamativa pode acabar dando a sensação de um ambiente ainda menor, para esses casos, os tons pastéis são a melhor opção. Outra coisa importante para se levar em conta, é quanto as cores das outras paredes do ambiente. Se o teto for colorido, as paredes devem ter tons mais neutros ou ainda brincar com uma mistura de tons. Por exemplo, um teto rosa pink com paredes rosa bebê ou vice-versa. Outra dica legal para essa “mini reforma” é usar objetos decorativos no tom usado no teto, ajuda a deixar o ambiente mais harmonioso e descontraído!

    E aí, vamos colorir esse teto??

    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Reforma sem obras com azulejo adesivo!
  • Itens de decoração por menos de R$20!
  • Papel de parede com fita isolante!
  • Deixe seu comentário

    1 2 3 13