4 de maio de 2018

coletes

Essa é aquela época do ano que nem estamos com muito calor e nem com muito frio. Chamamos essa época de “meia estação” e posso te dizer: é a pior para se vestir! Nessa fase rolam muito looks “cebolas”, aqueles cheios de camadas que vamos tirando ou acrescentando durante o dia. Se você é como eu e não gosta desse tira e bota de peças no mesmo dia, existe uma que é perfeita: os coletes !

Muita gente ignora ou simplesmente esquece dos coletes no guarda roupa. E vou te dizer, ele é uma excelente peça para se ter e abusar nos looks! São vários tipos de coletes, modelagens, cores e estilos!

coletes

Ao contrário dos casacos e dos cardigans, os coletes conseguem aquecer na medida certa. Não vai te fazer morrer de calor e querer tirar no meio do dia. Mas também não vai te deixar passando frio. Pelo menos durante a meia estação. Eles entram naquela dica da “terceira peça” que eu já falei diversas vezes por aqui. A terceira peça ajuda a dar mais peso no look e deixa-lo mais interessante.

Os de alfaiataria são uma ótima opção para os ambientes de trabalho. Eles também funcionam muito bem para quebrar o estilo descontraído do combo jeans + t-shirt.  Se você mora em um lugar mais geladinho que o Rio de Janeiro, os estilo puffs são ótimos! Esses são aqueles feitos de nylon, tem uma carinha mais esportiva e são ótimos no quesito aquecer!

coletes

Existe uma variedade muito grande de coletes, pesquisando e experimentando com carinho, tenho certeza que você vai aderir a eles! Outra dica legal é brincar com o comprimento das peças. Os coletes mais longos ajudam a alongar a silhueta. Eles funcionam bem com peças mais curtinhas, por exemplo saias, shorts e vestidos. Os mais curtos ficam bem legais se combinados com peças de cintura alta!

Onde comprar coletes?!

Te convenci a dar uma chance para os coletes nessa meia estação? As lojas já estão cheias, com muitas opções para você se jogar. Por exemplo, você consegue encontra-los na Renner, Dafiti, Forever 21 e todas essas lojas que amamos.

compartilhe com os amigos COMENTE!

  • A calça fuseau voltou!
  • fantasia de carnaval Dicas para aproveitar a fantasia de carnaval no resto do ano!
  • cadarço como cinto Cadarço é o novo cinto!
  • Deixe seu comentário

    11 de julho de 2011

    Lá vou eu falar, mais uma vez, sobre um assunto polêmico (e não são mamilos!). Enfim, não entraremos em questões de proteção a animais porque todos já sabem que eu irei defendê-los até o fim, portanto, não cogitarei a hipótese de alguma de vocês usar pele de verdade. Falaremos apenas da questão: pele fake.
    O inverno chega e as peles começam a pipocar nas passarelas e timidamente aparecer nas vitrines. No inverno passado, a pele apareceu no gorro e na gola dos casacos, lembram?! Já nesse inverno, a coisa tomou uma proporção maior e mais ousada, as peles invadiram os coletes.

    Eis que usá-lo não é tão fácil como parece, a questão do volume é um dos principais cuidados serem tomados, mas não é o único! Temos que ter cuidado com o material, o pelo deve ser macio, liso e suave, fios de má qualidade, grossos e crespos, além de serem feios, acrescentam ainda mais volume ao corpo. As cores devem ser mescladas, cores puras, como preto e bege também dão ideia de mais volume, prefira as que tem misturas de cinza, ou tons diferentes de bege.

    Quanto ao comprimento do colete, depende do seu tipo físico; os mais curtos ficam melhores em quem tem menos peito e pretende disfarçar o quadrilzão. Já os mais compridos, podem ser usados por mulheres altas e mulheres baixas, dando ideia de ser mais alta.
    Uma opção para disfarçar o volume que o colete agrega ao corpo, é definir a cintura com cintos por cima do colete, ou optar por uma peça acinturada, deixando o coletinho aberto por cima.
    Ele pode ser usado com qualquer outro tipo de peça, desde vestidos até shortinhos, porém sempre atentando para a proporção e volume.
    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • História das leitoras #2: Namorar sem amar?!
  • Look do dia: Peplum
  • Fica a Dica #17
  • Deixe seu comentário

    10 de agosto de 2010
    Olá!
    Ando meio sem paciência e sem ideias pra postar aqui.. tem muita coisa acontecendo junto, coisas me aborrecendo, coisas me preocupando, coisas me chateando, decisões precisando serem tomadas.. uma hora melhora, não é? Pelo menos eu espero..
    Enquanto isso, mais um tendência pra vocês..

    vocês.. Em época de exagero, muitas coisas aumentaram seu tamanho ou quantidade, as botas cresceram até o meio da coxa, os aneis aumentaram.. e, agora o colete também. Na verdade, essa é uma tendência desse inverno, mas acho que ela pode (e deve) ser esticada até o verão, pela versatilidade da peça. Até porque ele pode ser de malha, tricot, lã ou até em tecidos mais pesados e nobres. Isso garante que ele possa ser usado de diversas formas e em ocasiões totalmente diferentes, o melhor de tudo é poder ser usado com qualquer coisa e em quase todos os tipos de sobreposição.
    Quanto ao comprimento, ele vai desde o quadril até os mais exagerados, que param lá pela altura dos joelhos. Como já disse, pode ser usado com tudo, shorts, saias, calças e vestidos. Como é uma peça comprida, a tendência é dar ilusão de que a pessoa está mais achatada (o que é bom para as mais altas e o caos para as mais baixas), porém, tudo tem jeito. Vale escolher um de listras verticais para parecer mais alta ou diminuir o comprimento na parte de baixo, pra manter o equilibrio do look.

    Já passou no blog novo? Não? Clique aqui para entrar.
    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Donatella Versace
  • Moda para Copiar: Peaches Geldof
  • David Jones by Dita von Teese
  • Deixe seu comentário

    15 de janeiro de 2010

    Olá amadinhos, como estão? Finalmente caiu uma chuva boa ontem e hoje aqui no Rio..deu pra dar aquela refrescada que tanto precisava.
    Então, já pararam pra prestar atenção nas roupitchas dos japas? São super! Hoje o post é pra eles, ou melhor.. pra gente, se inspirar.

    Os japoneses não têm nenhuma inibição na hora de compor o look: vale tudo.
    E tudo mesmo! As meninas abusam de sobreposições, sapatos diferentes, acessórios originais e os cabelos.. de todas as cores e formas.
    Eles podem ser minimalistas em muitas coisas, como na arquitetura e no design, mas ao se vestirem não têm medo nenhum de ousar nas sobreposições e nas cores.

    As japinhas, não são lá tão altas como a maioria das ocidentais, eles medem em torno de 1,58.. então, elas usam (e abusam) dos saltos. E que saltos! Lá os sapatos não são só parte de um look, mas muitas vezes a peça principal dele.
    Mas, as peças básicas não são esquecidas! Bazer, camisa e gravata também fazem parte dos looks orientais, mas, para dar um ar moderninho, vale misturar cores e texturas, além claro, dos acessórios.

    As meias também estão sempre presentes, afinal, nada como um belo par de meias para nos proteger do frio e dar um toque especial ao visual. Conscientes disso, as japonesas usam e abusam do acessório. Liso ou estampado, listrado ou 7/8, as meias não desgrudam das pernas das tokyianas.

    Mas não pensem que os meninos da capital japonesa foram esquecidos! Eles são muito estilosos também. Não se limitam ao básico jeans e camiseta. Os japoneses esbanjam estilo e excentricidade, criando visuais diferentes e inusitados. Pela criatividade e ousadia, os meninos de Toquio merecem um espacinho aqui também.

    A aposta maior é no colete. As camisas, fechadas até no colarinho, também marcam presença quando o quesito é formalidade, ou uma aparência mais ‘certinha’, nas ruas de Shibuya.

    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • I want to be a boy!
  • O WhatsApp é MEU!!
  • D.i.y da Nath #3: Arco de Flores
  • Deixe seu comentário