29 de junho de 2020

formas de usar gola alta

Vamos combinar que o inverno não está sendo lá como planejávamos, né? Tudo que eu queria era estar reclamando da minha falta de casaco e me virando com as minhas peças de frio por aqui! Mas eu estou sendo do time de se arrumar para ficar em casa mesmo! E se você me segue no Instagram, é claro que já viu isso!
Uma das tendências de inverno que está vindo desde o ano passado é a gola alta! E para te ajudar com looks mais quentinhos e estilosos, no post de hoje separei algumas formas de usar gola alta!

Formas de usar gola alta!

Sobreposição
Uma das formas de usar gola alta mais fácil é usando-a como sobreposição! Mas não pense que isso é simples ou básico não! Existem mil formas de usar a gola alta em uma sobreposição! A mais usada no inverno passado foi a gola alta + vestido, que é uma forma de adaptar uma peça de verão para ser usada no inverno! Mas ela também pode ser usada com uma camisa por cima, coletes, suéter e até mesmo casacos mais pesados.

formas de usar gola alta

Transparências
A blusas transparentes de gola alta também são simplesmente maravilhosas e é uma das  formas de usar gola alta mais estilosa! Para quem gosta de um estilo mais diferente, as blusas de gola alta com transparência são a peça chave! Você pode usá-la como uma segunda pele ou como a peça principal do seu look. E aí vale apostar em uma lingerie por baixo, regatinha ou até mesmo os famosos adesivos de seios para quem é realmente ousada!

formas de usar gola alta

Super golas
As super golas são uma evolução da gola alta. Normalmente elas são bem volumosas mesmo, chamam bastante atenção e é uma das formas de usar gola alta! Para quem gosta de acrescentar peças diferentonas no look, essa é uma opção bem interessante! E não pensa que só por serem grandonas elas são super quentes, não! É possível encontra-las em tecidos mais leves e não tão quentes para o inverno brasileiro. Só que é bom prestar atenção: se você tem o pescoço curtinho, essas golas podem achatar ainda mais a região e deixar a proporção do corpo estranha!

compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Tendências para roubar do clipe “Sua Cara”!
  • tie top Tie top, a blusinha da vez!
  • mickey Mickey Mouse mania!
  • Deixe seu comentário

    14 de março de 2014
    Oi, oi!
    Acho que meu medo está se concretizando! A facilidade de fazer vídeo está me tirando toda vontade de escrever hahah. Mas vamos lá, vou intercalando uns e outros para não abandonar nem o canal, nem o blog.
    Estava procurando tendências de moda por aí essa semana e esbarrei com uma que não poderia deixar de falar. São raras as vezes que eu digo “jamais usaria tal coisa”, porque sempre acabo dando uma chance pra experimentar coisas novas. Mas olha, acho que vai ser a primeira vez que vou dizer com absoluta certeza que nunca, nunquinha vou usar essa tendência de hoje: gola rolê (ou rulê, ou simplesmente gola alta).

    Os anos 60 já é uma tendência confirmada para o inverno internacional 2015, nesse embalo, muitas peças da época retornam modernizadas ou do mesmo jeito que usadas antigamente. A gola alta é uma delas, apareceu nos desfiles de Louis Vuitton, Chanel, Dior e Alexander Wang. 
    O lado bom de muita gente investir em uma mesma tendência, é a possibilidade de ter várias modelagens diferenciadas. Por exemplo, a gola alta pode ser justinha no pescoço, como uma segunda pele, ou mais larga e cheia de tecido ou ainda tão alta que cobre a boca e o nariz.

    Como nada é perfeito nessa vida, as golas altas tendem a dar a impressão do tronco mais curto, por isso, não é indicada para mulheres com “pouco pescoço”. Já para as girafinhas como eu, a gola alta valoriza o corpo e chama atenção para o rosto.
    Se você já tem uma blusa de gola alta em casa, um jeito de dar uma modernizada nela, é combinar com colares longos. Isso mesmo, colares por cima da gola. Lembrando que para quem for apostar nessa sobreposição ousada, é melhor dispensar outros acessórios como colares e braceletes.

    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Perfil do leitor 2014
  • Caftan
  • Meu 1° piercing!
  • Deixe seu comentário