16 de setembro de 2018

Existem erros FATAIS que quem faz progressiva ou alisamento sempre acaba fazendo. No vídeo de hoje, te contei alguns erros de quem faz progressiva. Erros que podem danificar seu cabelo e diminuir o tempo do alisamento!

Erros de quem faz progressiva!

Misturar outros ingredientes no alisamento
Infelizmente essa é uma prática muito comum quando falamos de alisamento. Muitas vezes para deixa-lo mais potente ou faze-lo durar por mais tempo, alguns profissionais adicionam outros ingredientes como ácidos e formol ao alisamento. Só que além de ilegal, isso é extremamente perigoso para o cabelo e para a saúde!

Não fazer teste de mecha
Eu sou aquela pessoa que sempre vai te lembrar do teste de mecha para tudo. Quando falamos de alisamento, ele se torna ainda mais fundamental. O alisamento muda a forma do cabelo, age diretamente no interior da fibra. Muitas vezes por fora o cabelo está lindo, impecável, mas por dentro não. Por isso sempre devemos fazer teste de mecha, mesmo que já seja um produto que você está acostumada a fazer.

Fazer com muita frequência
Existem diversos tipos de alisamento e cada um deles tem um tempo a ser respeitado. Fazer esses procedimento com muita frequência pode acabar com a saúde do cabelo! Por isso, o ideal é sempre realiza-lo com profissionais que confiamos, pois eles são capazes de nos instruir de quanto em quanto tempo o processo deve ser realizado.

Achar que não precisa tratar
Aquele erro clássico dos alisamentos! Como eles conseguem deixar o cabelo com aparência mais bonita, solto, brilhoso e selado, dá a falsa sensação de que o cabelo está saudável. Só que não é bem assim! Frequentemente cabelos alisados sofrem com a baixa porosidade, que deixa o cabelo bonito por fora, mas destruído por dentro. Então sim, cabelos alisados também precisam de tratamento e cronograma capilar!

Misturar com outras químicas
As químicas evoluíram muito e hoje é possível combina-las entre si. Mas ainda não é o ideal! Se você não abre mão do alisamento, vale a pena pensar em abrir mão de outras químicas como coloração e descoloração. Ou se realmente quer fazer ambas, procurar um profissional de confiança para faze-las!

compartilhe com os amigos COMENTE!

  • banho de brilho TUDO sobre BANHO DE BRILHO!
  • Cachear cabelo com VAPOR?! | Moonstone, Irresistible Me
  • Os MELHORES produtos que usei em 2016!
  • Deixe seu comentário

    2 de agosto de 2018

    Uma pergunta que eu recebo muito é: “tenho um produto para cabelo vencido, posso usar?”. No vídeo de hoje te explico tudo sobre utilizar produtos vencidos e é claro, se pode usar produto para cabelo vencido!

    Pode usar produto para cabelo vencido?!

    Geralmente a validade dos produtos para cabelo começam a contar depois de abrir o produto. Essa validade é de 12 a 24 meses, dependendo do produto. Todos os produtos devem ter a validade estampada na embalagem, e ela pode vir de duas formas. Ela pode aparecer em formato de mês e ano ou ainda com um símbolo, que significa a quantidade de meses que o produto dura depois de aberto.

    Mas e aí, você aloprou, comprou um monte de produto e outros mais antigos venceram. Pode usar produto para cabelo vencido ou não?!
    A primeira coisa a fazer depois que um produto vence, é observa-lo suas características. Por exemplo, conferir se a cor, cheiro e textura dos produtos mudaram desde quando você comprou. Se o produto mudou a coloração, soltou alguma tipo de água ou óleo ou ainda se o cheiro está diferente, não é legal utilizar.
    Produtos vencidos podem ter o efeito reduzido, efeito contrário ou ainda se o produto for usado no couro cabeludo, pode causar alergias.

    Lembrando que produtos dentro da validade também podem ter essas características alteradas, se não forem usados ou armazenados corretamente. Por isso as embalagens sempre devem estar fechadas, os produtos devem ser guardados protegidos da luz, sol e água. E ainda não podemos pega-lo diretamente com a mão ou talheres de metal.

    Todos os produtos tem uma margem de segurança para serem usados mesmo após o vencimento. Essa margem geralmente é de 6 meses. Quando o produto passa da validade, alguns ativos dele não são mais seguros. Por isso a eficiência pode não ser a mesma. Além disso, os conservantes também podem não protege-los mais da proliferação de fungos e bactérias, o que pode causar alergias.

    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • NÃO TENHO TEMPO para cuidar do cabelo!
  • produtos para crescer cabelo rápido ?Produtos para crescer cabelo rápido! #3
  • 3 jeitos FÁCEIS de RENOVAR t-shirts!
  • Deixe seu comentário

    15 de julho de 2018

    Sabe aqueles cabelinhos que ficam arrepiados bem no topo da cabeça? Tem gente que chama de sogrinha, parentes, família e costumam ser confundidos com o frizz. Mas eles não são frizz! No vídeo de hoje, te conto tudo sobre os cabelo arrepiado na raiz, o que eles são e é claro, como fazer para abaixa-los também!

    Cabelo arrepiado na raiz: O que fazer?!

    Nem todo cabelo arrepiado é frizz! Aquele cabelo arrepiado na raiz do cabelo, na parte de cima da cabeça, sempre são confundidos com frizz. Mas na verdade, eles são simplesmente cabelos novos nascendo! Esses fios ficam para cima porque são curtinhos, recém nascidos e não tem peso, massa para abaixar e ficar como os outros. E eles são mais difíceis de serem domados do que o frizz também. Como são fios crescendo, é uma questão de tempo para que eles tenham peso, massa e comprimento suficientes para abaixar.
    Mesmo sabendo que é passageiro, muita gente se incomoda com esse cabelo arrepiado na raiz. E ele também pode atrapalhar bastante, principalmente depois de uma escova, chapinha ou até mesmo em um penteado. Como falei, não tem o que fazer de forma permanente, além de esperar que ele cresça. Mas se esses fios rebeldes estão mesmo te atrapalhando ou incomodando, existem algumas formas de doma-lo por algum tempo.

    Spray fixador: Os sprays para fixar penteados são ótimos para abaixar o cabelo arrepiado na raiz. Basta espirrar o produto onde os fios se localizam e passar a mão ou um pente, para “gruda-los” no resto do cabelo.

    Óleo vegetal: Como falei, esses fios ficam para cima porque não tem peso. Então, nada melhor que deixa-los “pesados” para abaixar. Os óleos vegetais são excelentes para esse truque. Mas, se você tem cabelo misto ou oleoso, pode não ser muito recomendado. A dica, é optar por um óleo 100% vegetal e de toque seco, para que o cabelo não fique com aquele aspecto de cabelo sujo.

    Secador: O famoso “choque térmico” com o vento frio de um secador também é ótimo para abaixar esses cabelos rebeldes!

    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • 5 dicas de avó para ter um cabelo lindo!
  • Shampoos e condicionadores muito tops Shampoos e condicionadores MUITO TOPS! #2
  • Shampoo que alisa funciona?!
  • Deixe seu comentário

    23 de março de 2018

    E aí meu desafio era montar um CRONOGRAMA CAPILAR com um produto para cada etapa gastando o menos possível lá na Casanostra Cosméticos!
    Mas é claro que não seria tão fácil, né? Tinham regras para dificultar! Por exemplo, eu não poderia escolher produtos da mesma marca. Cada produto deve ser de uma marca diferente, sem repetir. E para complicar mais, eu não poderia escolher nenhum produto de linhas prontas de cronograma.
    E aí, como será que me virei?! Vem conferir os produtos que eu escolhi e quanto gastei nesse cronograma capilar!

    Produtos para o Cronograma Capilar!

    Hidratação – Meu Liso muito + liso, Salon Line (R$12,10)
    Essa linha da Salon Line possui duas máscaras, essa de hidratação e outra de nutrição. Sua fórmula possui amido de milho que age na reconstrução da fibra capilar para dar força e brilho aos fios. Proteína do Trigo, responsáveis por promover a recuperação de cabelos danificados. E um mix de aminoácidos, que são a base dos fios e promovem reconstrução imediata.

    Nutrição – Liso com força, Haskell (R$37,50)
    Essa linha é um lançamento da Haskell. Sua composição conta com uma associação do blend de ácidos ao açúcar. Que proporciona efeito disciplinante e hidratante. E a biotina que aumenta a resistência e a elasticidade dos cabelos. Eu coloquei essa máscara como nutrição porque na composição dela consegui encontrar vários óleos vegetais.

    Reconstrução – EE Cream SOS, Acquaflora (R$36,10)
    Ele contém um concentrado de polifenóis e aminoácidos biofuncionais. Com alto poder de penetração, restaura cabelos extremamente danificados por agressões químicas, preservando sua integridade. Renova a superfície da cutícula e diminui a porosidade, devolvendo o balanço aos fios. É um produto bem poderoso e não pode ser usado com muita frequência! A indicação dele para cabelos extremamente danificados é de no máximo duas vezes por semana!

    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Recebidos de julho!
  • Eu testei: Óleo multifuncional Kálice, Inoar
  • Eu testei: Shampoo seco Goji Berry, Provanza
  • Deixe seu comentário