19 de setembro de 2019

Qual a frequência certa de lavar o cabelo? Dia sim, dia não? Todos os dias? Uma vez por semana? No vídeo de hoje, te contei alguns sinais que o cabelo quando está na hora de lavar o cabelo!

Como saber quando é a hora de lavar o cabelo?!

Raiz oleosa
Esse é um dos primeiros sinais de que o cabelo precisa ser lavado. Conforme o tempo passa, o corpo produz uma oleosidade natural, junto com a sujeira do ambiente, poluição e o estímulo que realizamos ao passar a mão no couro cabeludo, ele se torna ainda mais oleoso.
Se não lavar ou demorar, esse mix de oleosidade e sujeira vão acumulando. Dessa forma, o cabelo pode ter a raiz enfraquecida e acabar caindo.

Pontas secas
Nem todo cabelo fica oleoso com tanta facilidade, por isso, um outro sinal que o cabelo dá são as pontas secas. Além disso, o cabelo tende a embaraçar com masi facilidade e fica com mais frizz.

Aparência geral
Quando um cabelo está sujo, tudo nele acaba mudando um pouco. O acúmulo de sujeira faz com que os fios cachedos percam definição. E os cabelos lisos perdem volume, ficam mais “grudados”.

Cabelo sem brilho
Esse acúmulo de sujeira e oleosidade consegue reduzir o brilho do cabelo, tornando-o mais opcado e pesado.

Queda acentuada
Como já falei, conforme a oleosidade e sujeira vão se acumulando, a raiz vai enfraquecendo. Dessa forma, quando o cabelo está sujo, ele costuma cair muito mais do que um cabelo limpo e com o couro cabeludo saudável.

compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Dicas para montar looks mais estilosos!
  • Caspa e agora ?!
  • Como gastar menos tinta para pintar o cabelo!
  • Deixe seu comentário

    3 de setembro de 2019

    Mas e aí, o que é a oxidação capilar?! Que fenômeno é esse que acontece nos fios? No vídeo de hoje, te explico o que é a oxidação capilar, como e porque acontece e é claro, como evitar também!

    O que é a oxidação capilar?

    Muitas vezes quando eu falo sobre produtos por aqui, eu falo sobre ação antioxidante. Mas, o que isso significa afinal? A oxidação capilar é um processo que ocorre no interior do fio, onde ocorre um desgaste e envelhecimento das células do cabelo. Todo tipo e cor de cabelo sofre com a oxidação. Mas existem cores em que essa oxidação capilar ocorre mais rapidamente e é vista com mais facilidade também. Cores como vermelhos, ruivos e loiros são mais propensos a sofrer com a oxidação capilar. Principalmente porque são cabelos que tendem a ter as cutículas mais abertas, para alcançar o tom perfeito, o que facilita o processo de oxidação.
    Cabelos com cores escuras também oxidam, mas como a cor é mais escura, por isso, o processo demora mais e a mudança de cor é quase imperceptível.

    Como reduzir a oxidação capilar?!

    É um processo natural, que simplesmente não podemos evitar que ele aconteça. Mas existem algumas mudanças de hábitos que podem ajudar a retardar e reduzir esse processo de oxidação dos fios.

    Cuidado com o sol
    O sol é um dos maiores oxidantes que existe! Por isso, optar por produtos com proteção solar é fundamental. Não só nos finalizadores, mas também shampoos, máscaras e condicionadores com proteção UV auxiliam muito nesse cuidado!

    Ferramentas térmicas
    Tudo que abre as cutículas do fio acelera e ajuda o processo de oxidação, com as ferramentas térmicas não é diferente. Por isso, o uso frequente de secador, chapinha e babyliss também fazem com que o cabelo mude a cor e oxide. Usar protetor térmico é uma solução que ajuda a reduzir os danos!

    Cigarro
    Sabia que a fumaça do cigarro também tem poder oxidativo?! Pois é! Não é de vez em quando, uma vez na semana, uma vez em uma festa que o cabelo vai oxidar por conta da fumaça do cigarro. Mas se você é fumante ou lida diariamente com essa fumaça, saiba que ela pode sim oxidar seu cabelo!

    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Fica de Olho: Parkas
  • Inspiration #56
  • Top 5 (cabelos com quimica)
  • Deixe seu comentário

    4 de julho de 2019

    Bora acabar com esse frizz de uma vez por todas?? Hoje rola mais uma edição onde eu te mostro produtos para ACABAR com o frizz! Vem que só tem fica babado por aqui hoje!

    Produtos para acabar com o frizz!

    Shampoo e condicionador To de Cacho Vinagre de Maçã, Salon LineSe você me segue, já sabe que eu amo os produtos da linha To de Cacho da Salon Line, mesmo não tendo cabelo cacheado. E essa dupla é simplesmente meu xodó! Isso porque tem vinagre de maçã na composição, que sela as cutículas e zera o frizz. O shampoo não resseca e sela as cutículas ao mesmo tempo que limpa. E o condicionador sela e zera o frizz.

    Máscara Extra Lisos, Skala: Essa é para quem não quer frizz meeeeeeesmo! Isso porque ela contém na composição Vitamina E e D’Panthenol, possui Proteínas do Arroz e Silicone. Esses ativos formam uma capa protetora em volta do fio, deixando ele mais liso, brilhoso e sem frizz. É uma máscara vegana, não é liberada e super baratinha!

    Power Butter Mask, Soul PowerEsse é aquele produto que tinha tudo pra dar errado, mas deu certo e virou um amor! Ela é uma manteiga anti-ressecamento poderosa, que reduz a porosidade. É realmente uma máscara poderosa que não deixa os fios pesados! Meu cabelo fica extremamente macio, brilhoso e é claro, sem frizz.

    Manteiga Vegana Abacate e Aveia, Soft HairMais um dos produtos para acabar com o frizz que eu uso com muita frequencia! Essa manteiguinha é indicada para cabelos fragilizados e ressecados. Ela funciona como uma desmaia cabelo mesmo, porque além de tratar, consegue alinhar e reduzir o frizz dos fios. Tudo isso sem pesar! E ainda é liberada para no e low poo.

    CC Cream Maria Natureza Festival das Flores, Salon LineTodo mundo sabe que finalizar os fios, independente do seu tipo de cabelo, mantem ele protegido das ações externas e reduz o frizz. Um finalizador que eu gosto muito, é esse da Salon Line! Além da linha To de Cacho, a Maria Natureza também tem produtos que eu gosto bastante! O CC Cream da linha Maria Natureza Festival das Flores é multifuncional, podendo ser usado por lisas, cacheadas com ou sem o uso do secador. Tem a textura leve e super condicionante, que proporciona brilho, maciez e redução do frizz, sem deixar o cabelo pesado.

     

    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • DIY: Quadro luminoso
  • Minha experiência no Circus Hair!
  • Rosegal ? Comprei um UNICÓRNIO! | Rosegal
  • Deixe seu comentário

    2 de maio de 2019

    Taí um óleo que quase ninguém fala e merecia mais reconhecimento! O óleo de semente de uva é simplesmente maravilhoso e cheio de benefícios para os fios. No vídeo de hoje, te contei mais sobre ele e é claro, porque você deveria usa-lo!

    Projeto Rapunzel
    Por ser um óleo rico em vitamina E, ele é indicado para quem está no Projeto Rapunzel. Ele age no crescimento e no fortalecimento capilar. Pode ser aplicado no couro cabeludo e é uma excelente opção para quem faz inversão capilar.

    Textura seca
    Esse óleo é perfeito para quem tem os fios mistos e oleosos! Isso porque ele não tem textura oleosa, é um óleo com toque seco. Ele é absorvido rapidamente pelos fios sem pesar.

    Reduz a caspa
    Quem sofre com caspa e descamação do couro cabeludo, o óleo de semente de uva ajuda e muito! E como a textura dele é sequinha, não tem problema nenhum aplica-lo diretamente no couro cabeludo.

    Perfeito para pontas
    Se o seu problema são as pontas secas e ressecadas, óleo de uva nelas! Ele é uma ótima opção para umectação e umectação noturna das pontas. Como é bem umectante, consegue tratar e recuperar rapidamente as pontas espigadas.

    Ótimo finalizador
    Como tem toque seco, é uma ótima opção para finalizar os fios. Tanto depois de secar com secador ou depois de seca-lo naturalmente. Ele forma uma capa protetora em volta dos fios, deixando-os livre do frizz, mais macios e brilhosos.

    compartilhe com os amigos COMENTE!

  • dicas de moda para cabelos coloridos Roupa certa para cabelos coloridos?! feat. Tem que ter Borogodó
  • Mais uma mudança no cabelo!
  • tererês Os tererês voltaram!
  • Deixe seu comentário