3 de abril de 2018

Nem todos os produtos que eu uso, funcionam ou eu gosto, né? Então hoje é o vídeo da treta, da polêmica, da discórdia. Porque hoje separei os produtos que usei e NÃO GOSTEI! Bora que é hora de produtos reprovados aqui no canal!

Produtos reprovados!

Batom purple rock, Vult: Batom de bala já não é dos meus favoritos, costumo preferir os líquidos. Mas me apaixonei pela cor desse batom e fiquei super empolgada para usar. E foi só decepção, não poderia ficar de fora desse vídeo de produtos reprovados. Ele é muito diferente do que parece! É extremamente claro, tem uma cobertura péssima e mais parece um gloss sem graça do que um batom roxo metalizado!

Giz de pintar cabelo, Anaconda: Não é um produto que eu tinha muita expectativa que funcionasse, mas a embalagem mostrava uma mulher de cabelo preto usando. Então, deduz que ele pintaria qualquer cor de cabelo. E bom, não é assim que funciona. Ele realmente só pega em cabelos loiros bem claros! No meu cabelo ele ficou um roxo sem graça, que quase não dava para perceber. No cabelo loiro de uma amiga, ficou cinza. E no da minha mãe que é preto, nem preciso dizer que não funcionou, né? Deveriam trocar a mulher da embalagem e deixar explicado. Porque se você não tem conhecimento de colorimetria, jogou o dinheiro no lixo!

Matizador 3D, Gota Dourada: Comprei logo dois, um vermelho para mim e um preto para minha mãe. E bom, dinheiro jogado fora! A cor dele é realmente bem bonita, um tom perfeito de vermelho. Só que ele não fica no cabelo! É beeemmm fraco, só deixou meu cabelo mais brilhoso e não mudou nada na cor. O preto foi a mesma coisa, tanto que minha mãe tem usado ele como condicionador.

Leave-in Liso com força, Haskell: Eu fiz a resenha dessa linha da Haskell e expliquei a polêmica do finalizador por lá. Na composição existe um componente que alisa os fios e pede teste de mecha prévio. Além disso, pede também que não seja utilizada fonte de calor acima de 180°C. Só que quase ninguém lê rótulo e modo de uso de um simples leave-in, né? E ainda tem o agravante de que nem todas as ferramentas térmicas possuem controle de temperatura! Além desse “detalhe”, que não dá para ser ignorado, o leave-in tem pesado bastante no meu cabelo!

Mensagem de posicionamento que a Haskell me mandou sobre o leave-in Liso com força:

“O finalizador da linha Liso com força é uma inovação da Haskell para quem deseja praticidade dos fios alinhados no dia a dia. Desenvolvemos um produto que tem sim um ativo que também está presente em algumas progressivas, mas em uma concentração MUITO MENOR. O ativo é o Glyoxyloyl Carbocysteine and Glyoxyloyl Keratin Amino Acids, descrito no rótulo. O nome do produto é finalizadpr, pois é um creme sem enxágue e que pode ser usado em todas as lavagens.

O teste de mecha é recomendado no rótulo apenas por uma exigência devido ao uso do ativo na composição. Mas realizamos diversos testes com o produto e não foi constatado nenhum tipo de dano ao cabelo, pelo contrário, o resultado é maravilhoso!!! A linha Liso com Força é de tratamento, não uma progressiva, e em nenhum momento omitimos a existência do ativo na composição do finalizador. Os outros produtos da linha não possuem esse ativo. No vídeo você disse que só alisa com fonte de calor acima de 180°, mas é o contrário. PAra o efeito proposto é recomendado apenas “bater” o secador com temperatura menor que 180°. A fonte de calor maior que essa temperatura é prejudicial ao cabelo de qualquer forma, com ou sem o uso do finalizador.”

 

 

compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Eu testei: Tudo de bom, Novex
  • Os melhores produtos que usei em 2015!
  • Protetores térmicos que não pesam Protetores térmicos que não pesam no cabelo!
  • Deixe seu comentário

    Deixe seu comentário

    Comente pelo facebook:
    Comente pelo Blog: