6 de julho de 2018

Completei um mês de tratamento contra cravos! Eu nunca tive problemas de pele, pelo contrário, ela sempre foi muito elogiada por não ter nenhum problema. Só que depois de 1 ano sem tomar anticoncepcional e tomando medicamentos contra alergias sérias que tive, minha pele mudou. Fui no dermatologista e descobri que acne não são só espinhas, mas cravos também. Então cá estava eu, com quase 27 anos, uma pele com acne grau 2 e quase entrando no antibiótico oral!

Comecei um tratamento contra cravos usando ácido e vários outros cuidados diários, coisa que nunca tive até então. Na primeira semana de tratamento, eu fiz um post aqui no blog falando mais sobre o tratamento. Mas digamos que agora tem um tantão mais de assuntos para falar.

tratamento contra cravos

Como está o tratamento contra cravos depois de 1 mês?

As mudanças nas primeiras aplicações do ácido foram bem grandes e me deixaram super animada. Depois disso, os efeitos estacionaram, mas seguem acontecendo. Logo vieram os efeitos colaterais, que são realmente bem mais incômodos do que eu pensei que seria. Primeiramente, com o uso do ácido a pele fica extremamente sensível. Tudo que toca na sua pele, dói, queima e beira o insuportável! Além dessa dor constante ao aplicar os cremes, protetor solar e até mesmo para usar e remover maquiagem, tem a descamação. Quem segue no Instagram viu algumas vezes que mostrei nos Stories, a pele saindo completamente do meu rosto. E é claro, você não pode puxar e nem tirar, só precisa aguentar toda aquela descamação intensa.

Como vocês podem perceber nas imagens, minha pele é outra! Ainda tenho alguns poucos cravinhos, mas nem se compara ao que tinha antes. Além disso, também já tem mais de 1 mês que eu fiz limpeza de pele e ainda não voltei para fazer outra. Acredito que depois de mais uma sessão, esses poucos que estão comigo, vão sumir completamente. O que eu sinto é que não surgem novos cravos e eles também não inflamam mais como antes!

De super oleosa, minha pele se tornou extremamente seca. Mesmo utilizando cremes hidratantes e água termal diariamente. O problema que isso trás é na maquiagem. Quando ela não craquela e descama na hora que você aplica, isso acontece depois de algumas horas. Isso pode não ser um problema se você quase não usa maquiagem, mas, para mim que preciso dela para trabalhar, tem sido um incômodo bem grande.

Meu ácido está chegando ao fim e como combinado, é hora de voltar na dermatologista para uma nova consulta. E aí, se vocês quiserem, posso voltar com mais um post para contar se seguimos com esse mesmo tratamento ou se mudamos!

compartilhe com os amigos COMENTE!

  • Look: Vestido de margaridas
  • Fica a Dica #11
  • Sorteio Santa Clara Boutique!
  • Deixe seu comentário